domingo, 12 de fevereiro de 2012

A MAIS PRECIOSA DAS PEDRAS EM PROCESSO DE LAPIDAÇÃO

Um casal em férias pela Europa andava por uma viela quando avistou uma bela xícara de chá na vitrine de uma pequena loja de presentes. A mulher, que colecionava xícaras, resolveu comprar esta para sua coleção. Assim, entrou na loja e, ao pegá-la, a xícara falou:
  • Quero que você saiba que eu não fui sempre assim. Passei por um processo doloroso até chegar a este ponto. Veja bem: houve um tempo em que eu era apenas barro e o Mestre veio, me bateu me apertou, me amassou, e eu gritei:
  • PARE COM ISSO!


Ele apenas sorriu e disse:
  • AINDA NÃO.
Então ele me pegou, colocou no torno e me girou e girou e girou e girou...
E enquanto eu rodava e tonteava e tonteava eu gritei novamente e disse:
  • Por favor, tire-me daqui... por favor, tire-me ! E o Mestre olhava para mim e sorria ao dizer:
  • AINDA NÃO.


Então ele me pegou, foi em direção ao forno e me colocou dentro, bateu a porta e ligou o calor. Eu podia vê-lo pelo vidro do forno, que ficava cada vez mais quente e eu pensei: “-ele vai me queimar até me matar.”
Comecei a bater no forno e disse... “-Mestre, deixe-me sair, deixe-me sair, deixe-me sair”... E eu o percebi sorrindo, dizendo:



  • AINDA NÃO.

Então ele abriu a porta e me deixou livre e fresca e me tirou do forno e me colocou sobre a mesa. Então ele pegou algumas tintas e um pincel.
Ele começou a me pincelar e fazer redemoinhos por tudo e comecei a gaguejar e disse. . . “-Mestre, pare... pare... pare, por favor... O Senhor está me amordaçando.”
Ele apenas sorriu e disse:
  • AINDA NÃO.
Então ele delicadamente me levantou de novo e começou a andar em direção ao forno e eu disse... “-Mestre, NÃO! De novo, não, por favoooooor.”
Ele abriu a porta do forno e me deslizou para dentro e fechou a porta e desta vez ele ligou o aquecimento no dobro do que havia feito antes e eu pensei... Ele vai me matar, e olhei pelo vidro do forno e comecei a bater, dizendo... “- Mestre... Mestre, por favor, deixe-me sair... por favor, me tire daqui... tire-me daqui.”
Pude ver que ele estava sorrindo mas também percebi uma lágrima escorrendo em seu rosto enquanto eu via sua boca pronunciar as palavras:
  • AINDA NÃO. Quando eu pensava que iria morrer, a porta se abriu e ele me pegou de um jeito tão suave e me tirou dali, fresca e livre e foi e me colocou numa prateleira alta e disse:

  • Agora eu criei o que pretendia. Você gostaria de se ver? Eu disse sim. Ele pegou um espelho e eu olhei e olhei novamente e eu disse:
“- Esta não sou eu, sou apenas um monte de argila”.
Ele disse: - Sim, esta É você, mas houve um processo doloroso até chegar aqui.
Veja, se eu não tivesse trabalhado você quando você era argila, você teria secado. Se eu não tivesse submetido você ao stress do torno, você estaria esmagada.
Se eu não tivesse colocado você no calor do forno, você teria quebrado.
Se eu não tivesse pintado você, não haveria cores na sua vida.
Mas foi a segunda passada no forno que lhe deu a força para endurecer.
Agora você é tudo o que eu queria que você fosse desde o início.
E eu, a xícara de chá, escutei a mim mesma dizendo algo que eu nunca pensei que pudesse sair de minha boca...
“- Mestre, me perdoe, eu não confiei no Senhor. Eu pensei que o Senhor ia me machucar, eu não sabia que o Senhor tinha um futuro glorioso e uma esperança para mim. Eu estava tão míope, mas eu quero lhe agradecer.
Quero lhe agradecer pelo sofrimento.
Quero lhe agradecer pelo processo de dor.
Aqui estou! Eu me dou ao Senhor; encha-me, derrame-me, use-me como quiser.
Eu quero muito ser um recipiente que lhe traga glória, durante toda minha vida.” 

(desconheço o autor)




3 comentários:

  1. Linda doce morena.. que satisfação ver vc no meu blog.. e obrigada por segui-lo.. Mas, satisfação maior.. foi encontrar esse texto aki..

    Maravilha de texto.. muito lindo..

    Obrigada
    bjs
    (ja to te seguindo)

    ResponderExcluir
  2. Menina linda quando li esse texto no seu blog chorei feito boba rsss ele e perfeito e assim que me sinto nas maos do meu Dono

    felizzzz pq vc esta aqui ...

    bjos meus

    ResponderExcluir
  3. Esse texto não é do meu blog não.. rs
    Eu sempre falo isso.. mas nunca tinha lido nada parecido.. rs...
    Ainda terá q procurar de quem é a autoria.. pq não é minha.. rs..

    Beijocas..
    Qd for no fet.. me add.. rs.. se eu entrar primeiro, vou te add por lá..

    ResponderExcluir